Com bate-papo sobre liderança multidisciplinar, KondZilla abre programação do Conecta 2021

A 7ª edição do Conecta foi aberta, na manhã desta quarta-feira (25), com um bate-papo sobre “Multidisciplinaridade, Resiliência e Transformação” com o produtor, empresário e fundador da holding de comunicação KondZilla, Konrad Dantas. O evento online e gratuito, realizado pelo Sebrae/PR, é voltado para startups, empreendedores, investidores, empresas inovadoras, atores de ecossistemas e habitats de inovação. O objetivo principal é promover o intercâmbio de conhecimento e fomentar a inovação no Estado do Paraná.

Em 2012, Dantas criou o maior canal de música do YouTube, que hoje conta com 67,4 milhões de inscritos, 32,1 bilhões de visualizações, e uma média de 123 milhões de usuários únicos, para promover talentos das favelas. Em 2019, foi reconhecido pela ONU como um dos 100 afrodescendentes mais influentes do mundo. No Conecta, falou sobre liderança multidisciplinar, sua relação com a educação e projetos futuros. Vindo de uma família de professoras, o empresário contou que a educação sempre esteve presente em sua vida e, por isso, trabalha em um projeto para revolucionar o ensino online.

Antes de criar a KondZilla e também depois da empresa estabelecida, Dantas disse ter feito vários cursos em diversas áreas, que vão do design à programação, computação gráfica, fotografia e cinema. Na opinião dele, para empreender e liderar uma companhia, é preciso saber executar todas as funções do time. “Muitas coisas que eu não sabia fazer procurei estudar para saber orientar, somar, contribuir e cobrar”, afirma. Sem conhecimento, ele diz que o empresário pode ser conduzido a um prazo maior para a execução de uma atividade e isso acaba tirando o negócio do mercado. “É preciso ser competitivo no prazo, qualidade e custo”, aponta.

Além de buscar conhecimento teórico e técnico, Dantas comentou sobre a importância de desenvolver outras habilidades, as conhecidas “soft skills”, competências relacionadas à personalidade e comportamento dos profissionais. Resiliência, empatia, colaboração, comunicação assertiva, orientação para resultados, entre outras, são alguns exemplos. Tais competências, baseadas na inteligência emocional, não se aprendem nas instituições de ensino e não são reconhecidas por órgãos regulamentadores, porém, são capazes de diferenciar ótimos profissionais de medianos, na opinião dele.

Envolvido em 12 negócios, a maioria na área do entretenimento, o grupo KondZilla está apoiado em três diferentes indústrias: música, audiovisual e publicidade. Quando começou, há nove anos, o objetivo de Dantas era a publicidade e atração de grandes anunciantes. Queria chamar a atenção do mercado e ingressar nessa indústria para, no futuro, estar à frente de uma multinacional. “Mas, aí, eu percebi que era possível eu fazer tudo o que eu queria para mim, em vez de fazer para os outros. Hoje, eu quero que a KondZilla seja multinacional”, revela.

Para crescer com consistência, ele destaca a importância de não “depositar todos os ovos na mesma cesta”. No começo, confessa ter focado apenas no YouTube, mas depois expandiu a operação da empresa para outros canais. Para Dantas, a grande dificuldade em liderar um negócio está no fato de que os resultados não dependem de um indivíduo único, mas de um processo colaborativo. Então, é preciso saber como conduzir as pessoas a realizarem metas e objetivos da companhia ao mesmo tempo em que elas também se sintam realizadas profissionalmente. Como líder de uma grande empresa de sucesso, ele admite não ser fácil mostrar suas fraquezas. “O exercício de se autoavaliar, se colocar no lugar do outro, tentar mudar todos os dias tem que ser diário”, completou.

Programação

O presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/PR, Fernando Moraes, disse, abertura do Conecta 2021, que as mentorias, palestras e painéis com grandes nomes do mercado contribuem para criar um ambiente de inovação e compartilhamento para promover o movimento da economia digital. “Esta é uma grande edição do evento, que é reconhecido como um dos maiores festivais de inovação e empreendedorismo do Paraná”, afirmou.

O diretor-superintendente do Sebrae/PR, Vitor Roberto Tioqueta, também deixou um recado aos participantes na abertura. Segundo ele, com a proposta de compartilhar boas práticas, gerar networking e demonstrar a força da inovação no Estado, o Conecta foi planejado para impactar positivamente o ambiente e seus negócios. “É um grande fórum que vai destacar a diversidade de pensamentos e os nossos ecossistemas que fortalecem as micro e pequenas empresas no Paraná.”

A programação do Conecta 2021 vai até a manhã desta quinta-feira (26), das 9 horas ao meio-dia, com apresentações e entrevistas ao vivo e também gravadas, que ficarão disponíveis aos inscritos na plataforma até cinco dias depois do evento. Durante os dois dias, mais de 30 palestrantes e painelistas vão compartilhar conteúdos relevantes, de forma leve e direta ao ponto, que agreguem valor aos empreendedores neste cenário de transformações do mercado.

Nesta quinta-feira, os destaques são as palestras “Prototipando o Futuro dos Negócios”, com André Carvalhal; “Mova a sua mente”, com Ricky Ribeiro; e “Como a tecnologia pode ser mais inclusiva”, com Ricardo Wagner, da Microsoft. Também serão divulgados os vencedores do prêmio Startups do Paraná. O aprendizado não terminará com o evento. Depois de ter acesso à programação oficial, os participantes poderão conferir seis entrevistas com palestrantes de destaque.

O Conecta 2021 tem o patrocínio do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Biopark e Incubadora Santos Dumont, e apoio do Show Rural (Copavel) e Maker. Ainda dá tempo de participar gratuitamente pelo site: https://conectaprsebrae.com.br/.

By Marcio Edison

Jornalista, comunicador, locutor da Rede de Rádios Apucarana/PR. Formado em Matemática (PUC/SP) e Comunicação Social (UNIP/SP) também é desenvolvedor web, palestrante de tecnologia e CEO da mexcorp.net (marcio@mexcorp.net)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *